terça-feira, outubro 25, 2005

Caixão à cova

O Ti Zé não deixa de me surpreender. Homem d’outro século não acredita em nada nem em ninguém. Poderia dizer-se desconfiado, mas não, é somente inculto e teimoso, há-de morrer assim. Vi-o a última vez nas autárquicas.

- Olá Ti Zé! Então, foi às urnas*?
- Nunca! Urna que eu veja... só morto!

*A Blogotinha foi a votos.